GM se compromete a ter 100% das energias renováveis até 2050

0
810

A General Motors planeja gerar ou ser fonte a energia elétrica 100% vinda de energias renováveis – como a eólica, solar e de gás de aterro – até 2050 para suas 350 operações em 59 países.

A 2.2 megawatt solar array powers 1.5 percent of GM’s Lordstown assembly plant in Ohio, the home of the Chevrolet Cruze.

“Estabelecer uma meta de utilizarmos 100% de energia renovável nos ajuda a servir melhor a sociedade, reduzindo nosso impacto ambiental”, disse a presidente da GM e CEO Mary Barra. “Esta procura por energias renováveis beneficia nossos clientes e comunidades através de um ar mais puro e ainda reforçando o nosso negócio ao diminuirmos nossos custos com energia.”

A nova meta de energia renovável, juntamente com o desenvolvimento de veículos elétricos e uma manufatura mais eficiente, faz parte da estratégia global da empresa para fortalecer seus negócios, melhorar as comunidades e atender questões das mudanças climáticas. A GM também se une a RE100, uma iniciativa de colaboração global das empresas comprometidas com 100% de energia renovável, trabalhando para aumentar o uso de energia limpa.

Em 2015, a GM utilizava 9 terawatts hora de energia para construir seus veículos, iluminar seus escritórios, centros técnicos e armazéns em todo o mundo. Para cumprir a sua nova meta de energia renovável, a GM vai continuar a investir na melhoria da eficiência energética de suas operações durante a transição para energias limpas.

Hoje, GM economiza US$ 5 milhões por ano apenas por já utilizar energias renováveis, um número que vai aumentar à medida que mais projetos começam e o fornecimento de energias renováveis aumenta. Além disso, a empresa prevê que os investimentos na instalação e produção de energias limpas irá diminuir, trazendo ainda mais retorno financeiro para a companhia.

O novo compromisso energia renovável se baseia na meta anterior da GM utilizar 125 megawatts de energia renovável até 2020. A empresa espera superar esse número quando dois novos projetos eólicos começarem a funcionar ainda este ano gerando energia para quatro fábricas.

“Este compromisso arrojado e ambicioso da General Motors irá sem dúvida chamar a atenção da indústria automotiva global”, disse Amy Davidsen, diretora executiva para a América do Norte no The Climate Group. “A GM já economizou milhões de dólares usando energia renovável e como qualquer negócio inteligente que reconhece uma oportunidade de investimento, eles querem aproveitá-la plenamente. Esperamos que com a iniciativa da GM outras grandes empresas se inspirem em fazer essa troca também”.

Aumentando o compromisso
A GM está em processo de adição de 30 megawatts de energia em novos painéis solares em duas instalações na China. A fábrica da Jinqiao Cadillac em Xangai contará com 10 megawatts de energia solar instalados no topo do último piso e 20 megawatts vindos das instalações nos tetos das 8.100 vagas cobertas do estacionamento do Centro de distribuição da GM em Wuhan.

A GM é pioneira na utilização de energias renováveis há mais de 20 anos e gerou uma economia de mais de US$ 80 milhões até o momento. A empresa possui 22 instalações com painéis solares, três fábricas que utilizam gás de aterro e quatro que em breve vão utilizar a eólica. Essas experiências vão ajudar a GM a escalar o uso de energia renovável para todas as instalações em todo o mundo.

No Brasil, a GM foi a primeira montadora a instalar um sistema fotovoltaico, na sua unidade de Joinville. Esta unidade tem capacidade de geração de 300 kWh e gerou apenas em 2015, 195 mil kWh de energia elétrica. Ainda em 2015, além do sistema de geração própria, a GM do Brasil utilizou seu portfólio de energia para suprir as operações em 12.358 Megawatt por hora.

A GM está em uma posição única para atingir essa meta de energia renovável dada a sua vasta experiência com as baterias de veículos elétricos. O armazenamento de energia pode finalmente resolver as questões relacionadas com a confiabilidade da energia eólica e solar. A GM está usando as baterias do Chevrolet Volt como forma de armazenamento de energia em Milford.Z

Colaborando para tornar a energia renovável mais acessível
A GM juntamente com outras 69 empresas assinou o pacto da RE100. Como membro fundador da Aliança de Compradores de Energias Renováveis e do Centro de Negócios Renováveis, e um dos primeiros signatários dosPrincípios dos Compradores de Energias Renováveis, a GM ajuda a dimensionar a disponibilidade e adoção de energia renovável. Estas organizações, lideradas pelo Instituto Rocky Mountain, o World Wildlife Fund e pelo Instituto de Recursos Mundiais, trabalham para identificar as barreiras para a compra de energia limpa e no desenvolvimento de soluções para atender à crescente demanda.

A GM continuará a trabalhar com as cidades, governos, promotores de energias renováveis, serviços públicos, ONGs e outras partes interessadas para a transição para uma economia de energia limpa.

Para mais informações sobre o compromisso ambiental, da GM, visite o seu relatório de sustentabilidade e o blog ambiental.

Prêmio GM de Sustentabilidade
A General Motors do Brasil, celebra o Dia da Árvore e anuncia na próxima quarta-feira, dia 21 de setembro de 2016, os vencedores do Prêmio GM de Sustentabilidade para Concessionárias, Fornecedores e Empregados.

A premiação reconhece as melhores práticas sustentáveis – aquelas que trazem desenvolvimento econômico, preservando os recursos ambientais e gerando meios para que se promova um melhor equilíbrio no desenvolvimento social e impactem as comunidades em torno das fábricas da GM no Brasil.

Além da premiação, a GM mostrará suas ações no campo da sustentabilidade e sua visão para o futuro da mobilidade urbana e práticas sustentáveis que sempre estiveram presentes no histórico da GMB nessas últimas nove décadas.

Para mais informações sobre o Prêmio GM de Sustentabilidade, contatos abaixo.

RESPONDER

Comente aqui
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.