O futuro dos pneus

1
1040

Não sei quanto a vocês mas eu já perdi as esperanças de ver carros voadores por aí. Por isso mesmo acredito que a melhor opção é investirmos em novas tecnologias para as rodovias e estradas e, claro, os pneus.

O vídeo abaixo, criado pela Hankook Tire em parceria com a Universidade de Cincinnati, nos Estados Unidos, mostra muito bem o que quero dizer. Vale MUITO a pena assistir.

1 COMENTÁRIO

  1. Pura fantasia. O primeiro, por exemplo, é inviável. Esse tipo de roda sem centro precisa de dois rolamentos enormes (cerca de 60 cm de diâmetro, um externo e um interno) em cada segmento, com mais de 130 rolos ou esferas cada um. São seis fileiras e, portanto, quase 800 rolos ou esferas em cada roda. Além disso é necessário vedação entre a parte fixa e a parte girante. Retentores do mais de 8 polegadas 20 cm são considerados de grande diâmetro e são caríssimos. Esses tem 60 cm; a velocidade máxima tangencial de um retentor é de 25,5 m/s e uma roda dessas a modestos 120 km/h chega a uma velocidade tangencial de mais de 33 m/s. A grande obra da engenharia é simplificar as coisas e não complicar. Provavelmente os alunos de Cincinnati que participaram do projeto eram das turmas de belas artes ou arquitetura.

RESPONDER

Comente aqui
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.