JBL mostra linha de som personalizado aprovada pelas montadoras

0
2349

A marca premium de som automotivo JBL, fabricada pelo grupo Harman – que é dono das marcas Harman Kardon, Bang & Olufsen, Lexicon, Infinity e Mark Levinson – apresentou em evento o som automotivo personalizado aprovado pelas marcas – o que garante ajuste perfeito de som e que mantém a garantia de fábrica do carro.

1jblpost

Os modelos apresentados foram o Cruze (que já testamos aqui no Autozine) e a Ecosport – O som é nítido, claro e sem exageros, e, independente do gênero musical – testamos com Rock, Classico, Acústico, Eletrônico – a clareza era total, sem nenhuma distorção, demonstrando o ótimo projeto acústico dos veículos. O oferecido na Ecosport conta com 6 alto-falantes e tweeters e um subwoofer instalado em baixo do banco da frente, sem tomar espaço do porta-malas. O do Cruze conta com 8 alto-falantes, sendo 2 subwoofers instalados na traseira, porém também sem tomar espaço do porta-malas. A qualidade é surpreendente – especialmente se tratando de um upgrade que é feito na concessionária (que geralmente empurra aqueles falantes bem ruinzinhos e bem caros). O valor do upgrade gira em torno de 3 a 4 mil reais, o que, pela qualidade de som e o valor dos carros, é baixo – qualquer projeto com desempenho semelhante feito em alguma instaladora independente custaria bem mais, sem ter o desenvolvimento acústico que cada carro ganha na JBL.

A marca irá lançar mais um projeto durante o Salão do Automóvel, mas não deu mais detalhes. Os equipamentos da Harman estão presentes mundialmente nas marcas Toyota, Smart, Peugeot, Citroën, Jac, Kia, Ford, Chevrolet e Hyundai com a JBL, BMW, Mercedes, Audi, Bentley, Volvo, McLaren, Subaru e Mini com as marcas Harman Kardon, B&W e Bang & Olufsen e até mesmo a Ferrari conta com projeto de som da JBL.

 

Maiores informações podem ser encontradas no site da JBL (Clique aqui)

 

 

RESPONDER

Comente aqui
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.