Spyker C8 Aileron Spyder – O interior mais belo entre os Super Carros

20
314

Esse é o Spyker C8 Aileron Spyder – um supercarro com um motor de 400 cv, capaz de chegar a 100km/h em pouco mais de 4 segundos, e de alcançar 300km/h. Mas o mais interessante desse carro é o interior. Feito com couro de vacas criadas em fazendas na Holanda, sem arame farpado – ou seja, sem risco de arranhar o couro, e mais – de clima frio. Por que de clima frio? Porquê não tem mosquito. Sim. Sem picadas de mosquito no couro. Esse é o nível de detalhe do acabamento. Todo o acabamento é inspirado em aviões, o que dá um charme único ao carro. Ah, custa 200 mil dólares. Lá fora.  Clique nas fotos para ampliar.

Clique aqui para ver mais fotos do carro e do incrível interior

20 COMENTÁRIOS

  1. Com ou sem picadas de mosquito, o interior não passa de restos de carcaças mortas e que já deveriam ter se decomposto. No mais, o carro é perfeito.

    TES

  2. Nossa, que coincidência, também sou vegetariano como me parece ser o Tes Saloniki acima, também sou contra couro em carros, roupas, sofá e em outras coisas. Prefiro mil vezes ter no carro camurça sintética/alcântara, do que pele de animal morto, o New Civic Si se não me engano tem os bancos forrados com alcântara ou camurça sintética, o Lamborghini Reventon acho que também tem os bancos forrados com alcântara, é mais moderno e etico, couro qualquer carrinho tem, o Polo do seu vizinho, o Paliozinho do seu vizinho, couro é paia, ficou muito comum, legal é alcântara/camurça sintética…

  3. Pqp, picada de mosquito no couro? O mosquito deve andar com uma furadeira né. Na Europa há pouquissimos CARRAPATOS, e é isso que danifica o couro, e não mosquitos.

  4. esse carro e de um estilo único, não tenho nada contra couro acho que deu um certo chame ao carro se colo-cacem outro tecido não chamaria tanta atenção

  5. Realmente, o acabamento em materiais sintéticos é mais ético e exclusivo. Lembram do caso da montadora russa que queria usar couro de pênis de baleia? Ninguém merece! Todo mundo em Copenhague discutindo sustentabilidade e gente querendo couro em estofamento de carro!
    Quanto à inscrição: NULLA TENACI INVIA EST VIA, é o slogan da montadora holandesa, do Latim: Para os persistentes, nenhum caminho é impossível.

    TES

  6. Sinceramente, não gostei!
    Não vou aqui debater em relação ao uso ou não do couro ou se as vaquinhas foram criadas em spa sem mosquito ou se foram massageadas por orientais escutando sinfonia…. Enfin.
    Só sei que a cor do interior é um tanto quanto estranha (para não dizer suspeita), além disso as partes “metalicas” do acabamento me fez lembrar aquele aluminio “chão de busão” usado pela galera do Xunning.
    – Espero não ser bombardiado, mas é aquela velha historinha do gosto…rs.
    Abraços

    • Cara, eu olhei as partes metálicas e pensei “que coisa horrorosa”. Mas sua definição foi perfeita! Parece chão de busão mesmo. hahaha

RESPONDER

Comente aqui
Por favor, digite seu nome aqui