Hoje os carros estão mais seguros por pressão governamental e leis (que precisamos por aqui, depois disso), mas houve uma época em que ninguém parecia se importar muito com isso e a segurança nos automóveis era uma curiosidade. O vídeo a seguir mostra bem isso e podemos ver como principalmente o processo de automatização dos veículos nessas situações evoluiu até o que é hoje, uma plataforma com rodinhas (uma espécie de ‘carrinho’) preso embaixo do carro que o leva até o obstáculo na velocidade e direção certas. Clique aqui para ver os vídeos e mais informações!

Anos 30, uma cena inconcebível nos dias de hoje, mas cômica:

Um vídeo dos crash tests da General Motors nos anos 60. O tamanho das câmeras era um fator limitante, que obrigava os veículos a terem as portas removidas para a correta filmagem. Pela falta das portas e teto em algumas situações, a rigidez estrutural dos veículos era comprometida e os resultados não eram muito confiáveis…

Conflito de gerações: Um Impala 59 batendo de frente com um Impala 2009: Quem se deu melhor? Clique aqui e veja!

Compartilhe este artigo:
  • Twittar este post
  • del.icio.us
  • Compartilhar no Uêba
  • Compartilhe no Orkut
  • dihitt
  • gafanhoto
  • linkk
  • Live
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • GBuzz

Comentários

  1. Como eram os crash-tests décadas atrás – http://t.co/ja4TIQWP (via @Autozine)

  2. Anônimo disse:

    […] […]

  3. mauro disse:

    vídeos antigos

  4. Vivi disse:

    RT @autozine: Vídeos: Como eram os crash tests décadas atrás http://t.co/Ipi027ky

  5. Diego Amaral disse:

    Vídeos: Como eram os crash tests décadas atrás -http://autozine.com.br/video/videos-como-eram-os-crash-tests-decadas-atras

  6. Pra quem se acha #OldSchool. http://t.co/wuTJa34D