18
jul
12

Novos Gol e Voyage 2013

Postado em Lançamento por Rafael Moreira - Comments

A notícia veio originalmente do blog Novidades Automotivas, que conseguiu em primeira mão imagens e detalhes da reestilização da linha Gol, que assim como a versão GTI, é um boato de longa data…

 

O novo visual (que provavelmente deve ser chamado de “Geração 6”) aproxima o Gol da identidade atual da Volkswagen, que alguns chamam de “frente de Fox”, remetendo ao modelo que inaugurou o estilo aqui no Brasil. A traseira lembra bastante a do atual Polo europeu

A traseira do Polo europeu, de onde veio a inspiração para a do novo Gol

Além do visual, o motor também recebeu atenção e agora se chama 1.0 TEC. Potência e torque máximos permancem os mesmos e nas mesmas rotações, mas segundo a Volkswagen há mais torque disponível em baixas rotações. O torque é de 9,7/10,6Kgfm a 3850rpm (Gasolina/Etanol) e a potência é de 76cv a 5250rpm em ambos os combustíveis.

 

O 1.6 também recebeu melhorias, como mudanças nos retentores de válvulas, eixo comando e na flange do virabrequim que permitem melhor lubrificação. Com isso, houve uma redução no atrito do motor que deve proporcionar um melhor consumo e funcionamento mais suave.

A potência e torque permanecem os mesmos, 101/104cv a 5250rpm e 15,4/15,6Kgfm de torque a 2500rpm (Gasolina/Etanol).

O Voyage sofreu mudanças na traseira também, que fora bastante criticada na geração anterior por contrastar com o resto do visual. Não mais.

O interior recebeu alterações sutis, como saídas de ventilação com bordas cromadas. O painel de instrumentos agora é iluminado por LEDs e na cor branca.

Painel do Voyage Comfortline em dois tons, não disponível no Gol.

O novo CD Player é mais integrado ao painel e se comunica com o sensor de estacionamento (caso instalado), mostrando o desenho do veículo e uma barra indicando a distância de um objeto, conforme ele se aproxima.

O câmbio iMotion continua como opcional para as versões 1.6 de ambos os modelos.

Outra novidade é o sistema ECO Comfort, que exibe informações sobre como dirigir mais economicamente, por exemplo: “Não acionar o pedal do acelerador na partida do motor”; “Não acionar o pedal do acelerador com o veículo parado” e caso o ar-condicionado estiver ligado e os vidros estiverem abaixados mais de 20% do curso, aparece “Ar condicionado ligado; fechar janelas”.

Outra novidade é o sistema ESS (Emergency Stop Signal ou Sinal de Frenagem de Emergência), comum em carros importados. O ESS funciona como um alerta para evitar colisões traseiras: Caso o motorista pressione o pedal de freio de forma acentuada, mantendo uma frenagem mais consistente, o sistema de segurança aciona as luzes traseiras de frenagem de forma intermitente (piscando). Após isso, com o veículo parado, as luzes de freio param de piscar e o ESS aciona as luzes de pisca-alerta, indicando que o veículo parou.

Há também somente para as versões 1.0 o pacote opcional Bluemotion, que consiste apenas em pneus “verdes” nas medidas 175/70 R14, que possuem menor resistência à rolagem. Diferente do Fox Bluemotion, não há alterações em relação de câmbio ou na aerodinâmica.

Compartilhe este artigo:
  • Twittar este post
  • del.icio.us
  • Compartilhar no Uêba
  • Compartilhe no Orkut
  • dihitt
  • gafanhoto
  • linkk
  • Live
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • GBuzz