Novo Peugeot 308

2
294

Mesmo após 5 anos de seu lançamento na Europa, o médio da Peugeot chega com um visual elegante e moderno que é inegavelmente uma evolução das formas 307. Isso não é um ponto negativo, muito pelo contrário: O visual de ambos é muito agradável. Na verdade, o 308 é verdadeiramente um 307 evoluído.

As principais novidades estão no que você não vê, mas sente: Pra começar, boas novidades no motor 1.6 16V que passou de 110/113cv (Gasolina/Etanol) a 5600rpm passou pra 115/122 a 6000rpm graças a um aumento na taxa de compressão de 11,5:1 para 12,5:1. O torque que era 14,2/15,5 kgfm (G/E) passou para  15,5/16,4 kgfm a 4000rpm. Também houve melhorias no processo de fabricação, que diminuiu o atrito entre as partes móveis do motor junto de alguns componentes forjados como as bielas.

O novo motor também dispensa o “tanquinho” de gasolina para partidas a frio com Etanol, graças ao sistema Flex Start desenvolvido pela Bosch, que aquece o combustível em dias frios. O sistema se baseia numa nova galeria de combustível com elementos de aquecimento integrados. Assim que a porta do motorista é aberta, o sistema inicia a fase de aquecimento. Caso o condutor vire a chave na ignição antes do término do aquecimento, uma luz indicará isso e bloqueará a partida. Ao se apagar, a partida será permitida. Numa temperatura ambiente de 5º o sistema permite a eliminação de uma espera de até 6 segundos para a partida. Além da partida fácil e rápida, é na partida que o motor polui mais, e a ausência do uso de gasolina diminui a emissão de poluentes. E pelo combustível aquecido (por até 2 minutos), o motor precisa de um menor tempo de injeção para se manter funcionando, o que diminui o consumo também.

Uma pena que tal sistema não esteja disponível com o motor 2.0 16V, que permanece inalterado em relação ao 307, produzindo 143/151cv (G/E) e 20/22Kgfm de torque a 4000rpm.

O carro está mais comprido (7,4cm a mais), largo (6,9cm) e baixo (1,2cm) o que melhora o comportamento dinâmico, que já era bom. A suspensão é do mesmo tipo do 307.

Em equipamentos, a principal novidade é a opção de teto solar panorâmico com cortina de acionamento elétrico

Luzes diurnas de LED, airbags laterais e de cortina e sistema GPS com tela de 7″ integrada ao painel são novidades e opcionais da versão Feline, apenas.

Os preços começam em R$53.990 para a versão Active 1.6 (de entrada), passam por R$56.990 (Allure 1.6), R$59.990 (Allure 2.0) e vão até R$63.990 e R$70.990,00 da Allure e Feline 2.0 automáticas. Os primeiros começam a ser entregues agora em março.

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Comente aqui
Por favor, digite seu nome aqui