Na pista com um Civic de 270cv!

0
362

A Honda nos convidou para testar, em um circuito fechado, o New Civic Pace Car, que é o Pace Car oficial da Formula Indy no Brasil. A Indy exige que seus Pace cars tem que ter ao menos 200cv de potência, e, para o motor 1.8 de 140cv do Civic chegar a essa potência sem ser aberto e profundas modificações serem feitas, a escolha foi por adicionar uma turbina, trabalho feito pela Way Motorsport. O resultado é  um motor, que, com apenas 350g no Turbo, tem 270cv! Quase o dobro da potência original!

Clique aqui para ler mais e ver mais fotos!

Os motores não poderiam ser abertos por exigência da Honda – então só a turbina foi instalada, mas com grande eficiência, passou com larga margem da exigência da Indy.

As alterações no carro, no entanto, não param por aí. A suspensão foi preparada pela Suspentécnica, com novos amortecedores, barras estabilizadoras e altura reduzida em 40mm.  O resultado é um grip fantástico, mesmo em  pista molhada (estava garoando no dia, o que garantiu uma pitada extra de emoção). E, para parar, os freios foram redimensionados, e o carro ganhou as rodas aro 17 do modelo Si.

Também pudemos testar o modelo LXL original na pista de testes. A diferença é bem grande de um para o outro em termos de desempenho, mas o LXL tem a vantagem de ter controle de tração (inexistente na versão de pista).  A suspensão privilegia o conforto, o que é esperado desse modelo, e o motor de 140cv se mostra suficiente mesmo para “brincar” um pouco na pista. Como dirigimos o LXL antes do Pace Car, as voltas serviram como aquecimento. Ótimo aquecimento, aliás, por conta pista molhada, que garantiu bastante diversão.

Na pista, o pace car se comporta bem diferente da versão de rua. Na reta, a de rua chegava a cerca de 120km/h, e a de pista, chegava a 150km/h. Parece pouco, mas 30km/h a mais em uma pista curta é muita diferença. Na parte travada da pista, onde várias curvas se alternam em uma grande subida, a versão de pista contornou as curvas com maestria, em 3a marcha e em baixas e médias rotações, por conta do enorme torque de 34kgfm disponível.

O interior do carro de pista conta com bancos em concha para os ocupantes da frente e cintos para quatro ocupantes, ambos da Sparco (empresa especializada em equipamentos para carros de corrida), o que garante mais segurança no carro, pelos cintos de 5 pontos e bancos que impedem o corpo de escorregar durante curvas mais fechadas.

RESPONDER

Comente aqui
Por favor, digite seu nome aqui