30
ago
10

Canadá desenvolve carro elétrico feito de fibra de cânhamo.

Postado em Ecológicos por Simone Sterpeloni Ferreira - Comments

Kestrel é um carro compacto que consegue levar até 3 pessoas e chega a uma velocidade máxima de 90km/h e podemos dizer que ele é bem ecológico por 2 motivos. Além dele ser elétrico, portanto não usa gasolina e consequentemente não polui tanto o ar com gases de efeito estufa, todo o corpo do carro é feito a partir de uma planta chamada maconha cânhamo. 

O Kestrel é um dos 5 veículos elétricos que vem sendo produzidos no Canadá pelo Projeto Eve que se deu através da parceria entre várias indústrias automotivas Canadenses que tem o objetivo de impulsionar o setor. 

clique aqui para saber mais.

Este não é o primeiro carro feito a partir das fibras de cânhamo. Henry Ford foi o primeiro construiu um carro com esta planta mais de meio século atrás, mas a fibra de vidro e compostos de fibra de carbono ganharam a preferência das indústrias automotivas por serem fortes e mais leves, porém estes materiais requerem intenso aquecimento de fornos e processos químicos diversos, já as fibras vegetais como a de cânhamo, crescem em um campo utilizando a energia do sol. 

O cânhamo é proibido de ser cultivado em vários países como os EUA, e por isso acabou favorecendo o Canadá para este projeto. 

O carro, que terá baterias com capacidade variando de 4,5 a 17,3 horas de quilowatt de energia, já está com um protótipo sendo testado. O projeto deve ser liberado em setembro após conferência e Trade Show em Vancouver e os primeiros Kestrel devem começar a ser vendidos no ano que vem. 

 

Compartilhe este artigo:
  • Twittar este post
  • del.icio.us
  • Compartilhar no Uêba
  • Compartilhe no Orkut
  • dihitt
  • gafanhoto
  • linkk
  • Live
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • GBuzz

Comentários

  1. Divulga! Web! disse:

    Canadá desenvolve carro elétrico feito de fibra de cânhamo. http://migre.me/1aXtT

  2. Pedro Neto disse:

    Canadá desenvolve carro elétrico feito de fibra de cânhamo. http://migre.me/1aXtT (Autozine)