A Chevrolet nos cedeu um Cruze LTZ Sport6 manual para avaliação por 5 dias, e aqui estão nossas impressões. E a primeira impressão é: esse carro devolveu o prazer de dirigir um carro manual. Imagine um carro com um motor bom. Agora junte um ótimo câmbio de 6 marchas, com uma alavanca de engates curtos e precisos. Junte aí uma suspensão super acertada. E um design belíssimo. É o Cruze Sport6. Ah, o consumo impressiona.

Clique aqui para mais fotos e informações

Fazia tempo que eu não dirigia um carro tão prazeroso de tocar, desde que vendi meu Fiesta 1.6, que era um carro que se comportava de maneira semelhante – um carro que parece que tem uns 20cv a mais do que o necessário, deixando a direção bem esperta. O Cruze tem esse comportamento – pede acelerador, não tem medo de andar e a direção elétrica, bem mais macia que a hidráulica, deixa o carro extremamente ágil no trânsito urbano.

O desenho do carro tem linhas belíssimas, consegue ser mais bonito que o sedã, especialmente no branco. Chama a atenção por onde passa.

O consumo impressionou – rodamos cerca de 330 km (pouco mais de 2/3 na estrada) e o carro, rodando na gasolina, fez 10.8km/l. Para um carro 1.8, de porte médio, rodando sem dó do acelerador, o consumo impressionou (para se ter uma idéia, o Fiesta que eu tinha, com motor 1.6 e uma tocada parecida, faria uns 7 por litro no máximo). Eu esperava o consumo parecido com o do sedã automático, mas o Sport6 passou longe disso. NENHUM dos carros avaliados pelo Autozine conseguiu gastar tão pouco em circuito misto. Tocada rápida na cidade, trânsito parado na marginal tietê, e pé embaixo na estrada.

Os preços são os seguintes:

Cruze Sport6 1.8 LT manual – R$ 60.216
Cruze Sport6 1.8 LT automático – R$ 65.170
Cruze Sport6 1.8 LTZ manual – R$ 72.239
Cruze Sport6 1.8 LTZ automático – R$ 74.106

A versão testada, LTZ, é a mais completa, e conta com Ar condicionado digital com AQS (sistema que aciona automaticamente a recirculação caso o ar externo esteja muito poluído), direção elétrica, trio elétrico, teto solar, bancos em couro, freios ABS, controle de tração, GPS, dentre outros itens.

Ah, abaixo o som que conta até com bluetooth, dá para ligar seu telefone no rádio e fazer as ligações pelo painel.

O Porta-malas tem 402 litros, o que é mais que alguns sedãs, e acomoda bem a bagagem.  O acabamento interno, como pode ser visto pelas fotos, é esmerado e passa uma ótima sensação de qualidade.

(para quem está curioso, as fotos foram tiradas na cidade de Santana de Parnaíba, na Grande São Paulo)

Ficha Técnica Cruze Sport6 2012

Modelo:                                                                                       Cruze Sport6 LT e LTZ

Carroceria / motorização:                                             Hatch, 5 passageiros, 4 portas, motorização dianteira, tração dianteira

Construção:                                                                             Aço galvanizado nos painéis exteriores

Fabricação:                                                                               São Caetano do Sul, São Paulo, Brasil

 

MOTOR

Modelo:                                                                                       N18XFF

Disposição:                                                                               Transversal

Número de cilindros:                                                        4 em linha

Cilindrada (cm3):                                                                 1.796

Diâmetro e Curso (mm):                                                                        80,5 x 88,2

Válvulas:                                                                                    DOHC, quatro válvulas por cilindro (Dual CVVT)

Taxa de compressão:                                                         10,5:1

Potência máxima líquida

(ABNT NBR 5484 – ISO 1585):                                    Etanol: 144 cv a 6.300 rpm                                                                                                                                                           Gasolina: 140 cv a 6.300 rpm

Torque máximo líquido

(ABNT NBR 5484 – ISO 1585):                                    Etanol: 18,9 kgfm a 3.800 rpm
Gasolina: 17,8 kgfm a 3.800 rpm

Combustível recomendado:                                          Gasolina comum e/ou Etanol

Rotação máxima do motor (rpm):                           6.500

Bateria:                                                                                       12V, 60 Ah

Alternador:                                                                              100 A

 

TRANSMISSÃO

Modelo:                                                                                       M32 – Manual de 6 velocidades à frente sincronizadas

Relação de marchas:

Primeira:                                                                                               3,818:1

Segunda:                                                                         2,158:1

Terceira:                                                                                                1,475:1

Quarta:                                                                            1,067:1

Quinta:                                                                             0,875:1

Sexta:                                                                                0,744:1

Ré:                                                                                      3,545:1

Diferencial:                                                                               4,176:1

 

CHASSIS/SUSPENSÃO

Dianteira:                                                                                     Independente McPherson, molas helicoidais com carga lateral, amortecedores telescópicos hidráulicos pressurizados a gás

Traseira:                                                                                       Semi-independente com 2 braços de controle, amortecedores telescópicos hidráulicos pressurizados a gás

Direção:                                                                                      Elétrica, pinhão e cremalheira

Direção redução:                                                                  15,5

Direção número de voltas

(batente a batente):                                                            Elétrica: 2,74

Diâmetro de giro (m):                                                       10,65

 

FREIOS

Tipo:                                                                                             Discos dianteiros, discos traseiros

Disco diâmetro x espessura (mm):                          Dianteiro: 276 x 26; traseiro 268 x 12

 

RODAS/PNEUS

Roda:                                                                                            7j x 17

Pneus:                                                                                          225/50 R17

 

DIMENSÕES

Distância entre eixos (mm):                                         2.685

Comprimento total (mm):                                             4.510

Largura carroceria (mm):                                                                     1.790

Largura total (mm):                                                           2.098

Altura (mm):                                                                          1.477

Bitola (mm):                                                                           Dianteira: 1.544; traseira: 1.558

Altura mínima do solo (mm):                                      131

Peso em ordem de marcha (kg):                                1.410

Distribuição de peso

(% dianteira/traseira):                                                   61 / 39

 

CAPACIDADES

Porta-malas (litros):                                                         402

Carga útil (kg):                                                                                               459

Tanque de combustível (litros):                               60,3

Óleo do motor (litros):                                                    4,25 (4,50 com o filtro)

Sistema de refrigeração (litros):                               6,5

 

DESEMPENHO

Velocidade máxima (km/h):                                     Etanol: 204
Gasolina: 203

Aceleração 0 a 100 km/h (s):                                   Etanol: 10s7
Gasolina: 10s8
Retomada 40 a 100 km/h (s):                                  Etanol: 16s0 (4a marcha)
Gasolina: 16s0 (4a marcha)

Retomada 80 a 120 km/h (s):                                  Etanol: 14s3 (5a marcha)
Gasolina: 14s5 (5a marcha)

Compartilhe este artigo:
  • Twittar este post
  • del.icio.us
  • Compartilhar no Uêba
  • Compartilhe no Orkut
  • dihitt
  • gafanhoto
  • linkk
  • Live
  • StumbleUpon
  • Technorati
  • GBuzz

Comentários

  1. JOSELITO FARIAS - BRASÍLIA/DF disse:

    Adquiri um modelo desse (LTZ AUTOMÁTICO, branco). Estou maravilhado com o carro. Excelente…de fato o consumo bate com os cálculos que fiz no meu. Não me arrependo de ter comprado…onde passa chama a atenção…..Parabéns Chevrolet.

  2. Eduardo disse:

    Meu amigo,
    reportagem bacana, mas comparar com um Fiesta foi demais…
    Estou saindo de um Vectra GT e pegando o meu esta semana, esta sim seria uma comparação interessante, visto se tratar do substituto do Vectra.
    Particularmente a reportagem foi muito boa, mas a comparação não poderia ser pior: Outra categoria, outra marca…
    Abraço!

    1. Eduardo » a comparação foi em relação a aceleração e agilidade. São categorias distintas de carro, mas que tem uma agilidade semelhante.

  3. Eduardo disse:

    Conforme falei,
    hoje foi meu primeiro dia sem Vectra GT e de Cruze…
    O Vectra possui alguns recursos que no primeiro dia me deixaram a questionar se o carro realmente valia o valor pago. Ex: não possui modulo de fechamento de vidro (comprado a parte e de facil instalação), capo não possui amortecedor, consumo altissimo no primeiro dia (4kml), peguei chuva e retrovisor embaçou (o que não acontecia no vectra), plasticos do painel possuem qualidade questionável, borracha do limpador de parabrisa não é de silicone (eficiente, mas não tanto quanto). Isso somente no primeiro dia, posiciono os demais.
    Abraço.

    1. Alex Sandro disse:

      Olá amigo. O seu cruze é a versão automática ou manual?
      Fico curioso se este motor 1.8 realmente responde bem pra acelerar! Tens uma impressão pra nos descrever a respeito disso?
      Abraço,

    2. Clayton Oliveira disse:

      Eduardo, tudo bem? Concordo que a matéria foi legal, pouco rica em detalhes mas comparar com Fiesta 1.6 foi demais. Estou vendo muitas pessoas sairem de carros como Fox e Gol, te juro, e irem para o Cruze e relatarem o mesmo acima, o que não me inspira confiança para trocar meu carro, estou na mesma que você estava. Tenho um Vectra GT 2010 que tirei 0KM e você já conhece o carro, não preciso falar nada, a primeira coisa que notei foi a suspensão no capo ao abrir, a falta disso me deixou espantado, mas tudo bem. Estou numa grande dúvida entre o Manual ou Automático e se automático parto para o LTZ. O seu é qual versão ? Relate sua experiência com o carro. Tenho medo de comprar o automatico e sentir falta da tocada do Vectra que já senti quando sai do Astra para ele, e tenho receio de pegar o manual e depois para revenda ser uma naba ou me arrepender. Manja ? Grande abraço