Toca discos para carro

8
408

Ter hoje em dia, pelo menos, um CD player no carro é algo normal e geralmente, já vem até de fábrica. MP3 Players, DVD’s e até mesmo Playstations já fazem parte do dia-a-dia de qualquer um que goste de um bom carro tunado e qualquer episódio de OverHauling ou Pimp my Drive pode provar isso.

Mas nem sempre foi assim. No início os carros vinham equipados com um rádio – daqueles de transístores  que era preciso esperar esquentar para começar a funcionar – adaptado. Depois vieram os famosos cartuchos, que ainda hoje podem ser vistos em alguns poucos carros de colecionadores e, até a popularização do Mp3, ainda eram muito usados em rádios Brasil afora para gravar e transmitir jingles e claquetes (aqueles efeitos sonoros que ouvimos nas rádios).

Depois vieram os CD’s, os Mp3 e DVD’s e – ainda não vi mas com certeza já existem por aí – Blurays players.

Em algum ponto desta linha do tempo (1956, para ser mais exato) , a Chrysler resolveu inovar e se juntou com a CBS, lançando no mercado o 1º toca discos para carros do mundo. O aparelho ficava escondido dentro do painel e funcionava a uma rotação de 16-²/³ rpm’s, fazendo com que os discos tocassem por mais tempo que o normal. Um intricado sistema também diminuía – ou ao menos tentava – a quantidade de vezes que a agulha pulava sobre o disco.

Não sei porque, mas algo me diz que, com nossas estradas, este sistema nunca funcionou bem aqui no Brasil.

Toca discos para carro
Dá-lhe Dj!

Fonte.

8 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Comente aqui
Por favor, digite seu nome aqui